Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aço

 

O dia vem
amargo e doce
derrama sobre a terra
indomável
o fogo eterno

Amanhece como sol e aço

Vem com imensa boca
De fornalha
a transformar lágrimas
em chamas

Calcina o homem qual ferreiro enlouquecido

Vem em estilhaço
derretidos na gente
fora da gente
numa guerra metálica
de luta por um dia

O dia vem e Tudo devora e maltrata

Mata em febre
o pobre que cantava
forja em aço
os sonhos de um menino

O dia cresce
sempre


Sheila Pavanelli
Enviado por Sheila Pavanelli em 08/05/2005
Código do texto: T15620
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sheila Pavanelli
Ribeirão Preto - São Paulo - Brasil, 63 anos
14 textos (729 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 02:45)
Sheila Pavanelli