Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O silêncio nosso de cada dia


VOCÊ É O SILÊNCIO...NA BALBURDIA VOCÊ É O SILÊNCIO,
                           NA MARESIA VOCÊ É O SILÊNCIO,
VOCÊ É O SILÊNCIO NA CORRERIA DO DIA A DIA,
NO PRÓPRIO GRITO VOCÊ É O SILÊNCIO, NA DOR, VOCÊ É O SILÊNCIO..., NA PENUMBRA, NA FUMAÇA, NA NEBLINA, VOCÊ É O SILENCIO...
COM OS PÉS DESNUDOS,COM OS JOELHOS RASGADOS CALEJADOS MARCADOS DE FÉ, VOCÊ É O SILÊNCIO...
NO ESPANTO DA BRUTAL VIOLÊNCIA, VOCÊ É O SILÊNCIO...
NA FOME NA MISÉRIA, NA LÁGRIMA QUE ESCORREU E MANCHOU O ROSTO SUJO E VINCADO,VOCÊ É O SILÊNCIO...
NA VOZ QUE NÃO ECOA, NO ÔLHO QUE ENCHERGA MAS NÃO VÊ, ESSE É O SILÊNCIO...
NO CHORO QUE NÃO CALA,NA MÃO QUE ESMOLA,NA VELHICE SOLITÁRIA,NO NÃO! DA TUA FALA,VOCÊ É O SILÊNCIO...

POR QUE?
QUE ÉS?
QUEM ÉS
QUE FAZES QUE NÃO ME RESPONDES?
SEI QUE ESTAIS AI...EM SILÊNCIO...
ENTÃO ESCUTA MEU BERRO:
-EU TAMBEM SOU SILÊNCIO!!!!!
 
 
MONTMORAES
Enviado por MONTMORAES em 09/05/2005
Código do texto: T15804
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MONTMORAES
Macapá - Amapá - Brasil, 52 anos
5 textos (197 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:20)