Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Naquela manhã

Naquela manhã de outono tu estavas tão bela,
Tão bela quanto os fracos raios de Sol,
Tão bela quanto a fria beleza do outono.

Mas o destino nos foi cruel.
Nos colocou em mundos totalmente paralelos.
Infelizmente o único mal irremediado lhe atingiu.

Sofri muito com os trágicos acontecimentos;
Não só sofri como ainda sofro.
Ainda não suporto a dor de te-la perdido.

Mas espere somente alguns minutos minha querida,
Pois finalmente unirei nossas almas novamente,
Por toda enternidade !

                          Lord Cursed (Luan Mendes)
Lord Cursed
Enviado por Lord Cursed em 30/05/2006
Código do texto: T166090

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lord Cursed
Carapicuiba - São Paulo - Brasil, 27 anos
27 textos (1396 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 06:08)
Lord Cursed