Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Saudades de não sentir...

Tenho saudades de quintais
Portões e riachos

Tenho saudades de roupas velhas
penduradas no cabide incolor

Tenho saudades de ruas e vielas
De casas e esquinas
De porões e escadas

Tenho saudades daqueles olhos-céu
Da rosa azulada

Tenho saudades da roda gigante imaginária
Da volta em círculos imprecisos-supremidos

Tenho saudades de lençóis de seda e algodão
Saudades de cama e intercessão
De apelo e aflição

Tenho muitas saudades de não mais sentir saudade...

Lucas Chibinski
05/2005











Eperdus
Enviado por Eperdus em 13/05/2005
Código do texto: T16641
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eperdus
Curitiba - Paraná - Brasil, 43 anos
39 textos (1277 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:43)
Eperdus