Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto de ser

Soneto de ser

Feito sombra espreitando a luz,
no equilibrio d’um raio de chama.
Teus olhos claros navega e conduz,
minha sede su’alma proclama.

Em calor que estende do frio,
abraço teu ser sim que é sereno.
E um pássaro segue destino,
num beijo doce de brisa à condeno.

E este puro sentir pela estrada,
que faz ser esta vida jornada.
Incita livre querer vir a ser

Puro e certo é o ar de um ninho,
li  teu olhar em mim de mansinho.
Na lira deste louro amanhecer.

Camper
Enviado por Camper em 06/06/2006
Reeditado em 13/05/2011
Código do texto: T170653

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Camper
Uberlândia - Minas Gerais - Brasil, 38 anos
70 textos (1949 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 18:14)
Camper