Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quo Vadis?

Quo Vadis?
A lua espiralou lá fora
Anunciando a monotonia da tua ausência.

Refém da solidão brasilíaca deste altiplano
Refugio-me nas tramas do cobertor
Que me aquece nas desventuras do engano.

Onde a luz do teu isqueiro ardeu, outrora
Só restou a marca de fuligem no cinzeiro
Lá fora, tudo é geometria que me agoura.

Sei que teu amor não é verdadeiro
Mas se só queres meu dinheiro
Quo Vadis
Antonio Virgilio Andrade
Enviado por Antonio Virgilio Andrade em 17/05/2005
Código do texto: T17445
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antonio Virgilio Andrade
Riacho Fundo - Distrito Federal - Brasil
152 textos (16228 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 03:56)
Antonio Virgilio Andrade