Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cerejas encarnadas...

Trazia no seu de vime cestinho
cerejas suaves de encarnadas.
Delícias de doce gostinho
deixavam as línguas saciadas...
e tira e volta a tirar...
tal qual as conversas faladas...
Risinhos de afoita a namorar
o meu coração encarnado
de tanta cereja o trincar...
entrelaço de amante a pestanejar
em Maio que quer tudo levar...
fica o gosto docinho...
no meu sangue a encarnar!
Harmoniae
Enviado por Harmoniae em 19/05/2005
Código do texto: T18005
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Harmoniae
Portugal, 50 anos
75 textos (7757 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 03:51)
Harmoniae