Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CONFIDENTE

Toda noite você vê e você sabe
todos os meus segredos,
todas as minhas mágoas.
Mas vocÊ fica calado
e não as conta pra ninguém,
às vezes penso que é triste
                   também!!!

CANDEEIRO VELHO!
que com um leve sopro
                sempre
me despeço!
e nessa melodia
mais alguma coisa
pra vc confesso:

Sei bem que é triste
pois só na noite existe,
em qualquer choupana
e em casas de rapé
       é
que vive mais.
... E ao vê-lo molhado
fico confundido
sem saber se é pranto,
sem saber se é gás!!!
Júlia Carrilho Lisieux
Enviado por Júlia Carrilho Lisieux em 23/06/2006
Reeditado em 30/07/2008
Código do texto: T180981

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Júlia Carrilho Lisieux
Brasília - Distrito Federal - Brasil
33 textos (2081 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:15)
Júlia Carrilho Lisieux