Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VOCÊ POR MIM

Olhos pequenos, corpo miúdo.
Cheiro do dia em noite de lua minguante,
Luz do meu viver.

Que faço eu agora,
Neste lugar mórbido,
Longe de você, sem saber o que fazer
O que pensas e como estás?

Será que estás bem?
Que sofres as dores
E as penas devidas
Por me Fazer sofrer?
Será que sabes disto?
Ou será que nada sabes,
Só ages e não sofres
Tais conseqüências?

Vives, pois melhor que eu,
Afinal meu sorriso levou
Deixastes, portanto,  saudade e dor.

Melhor assim,  sofro menos
E logo, muito breve,
Já não mais será quem és
E hoje representas para mim,
Pois passastes.
Tudo passou.

E nós?
Já não existimos mais!
Tudo ficou para trás.
JOSÉ FLÁVIO DA PAZ
Enviado por JOSÉ FLÁVIO DA PAZ em 20/05/2005
Código do texto: T18220
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JOSÉ FLÁVIO DA PAZ
São Paulo - São Paulo - Brasil, 45 anos
60 textos (36407 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:30)
JOSÉ FLÁVIO DA PAZ