Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Morrendo

Palavras caladas
Olhares imaginados
Lágrimas secas
Toques vazios

Luzes apagadas
Carros parados
Sussurra o vento
Range as janelas
Flutuam as esperanças

Passa o tempo
Voa a imaginação
Cresce a solidão
Cobre-se de poeira
Da cadeira à lareira

Lembranças soltas
O silêncio se cala
O grito de dor
E a dor se cala.
Então o calor se vai.
E tudo se vai.
Só o vazio soa
Como um tom
Na cega escuridão.
Vinicius Razumikin
Enviado por Vinicius Razumikin em 02/07/2006
Código do texto: T186319

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vinicius Razumikin
São Paulo - São Paulo - Brasil, 27 anos
23 textos (932 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:10)
Vinicius Razumikin