Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor (Senhor dos homens)

     Muito ouço falar deste Senhor
     e o quão forte é o seu sentir
     que quando nos chega o teu furor
     já não mais podemos dele fugir.

     Rogo a Deus e a Nossa Senhora
     que à mim, conduza este senhor,
     que me venha sem mais demora
     e me seduza este tal de amor.

     Que me abata este vil caçador
     dos homens e deuses Senhor,
     da morte razão, da vida sentido.

     Mas, onde estás sagaz matador?
     que não me aplacas em teu ardor,
     que não me toma em teus arroubos.
     
     
     
Rivelino Matos
Enviado por Rivelino Matos em 05/07/2006
Reeditado em 06/12/2007
Código do texto: T187926

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rivelino Matos
Euclides da Cunha - Bahia - Brasil
124 textos (6775 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 04:01)
Rivelino Matos