Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tudo cansa

Tudo cansa
 maria da graça almeida

Meus ouvidos não se cansam
deste  canto que embalança.

Ora, a noite foi embora.
Amanhece. Sol lá fora.

Coisa linda a natureza,
em meus olhos põe beleza.

Fecho a porta,  beijo o santo,
meus sofreres...ai... são tantos!

Nos meus ombros,  velho o manto...
com sua ponta enxugo o pranto.

A mesmice desencanta,
este canto enfim me cansa.

- Que insistência, passarinho,
 mude as notas  do biquinho!
maria da graça almeida
Enviado por maria da graça almeida em 22/05/2005
Código do texto: T18871
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
maria da graça almeida
São Paulo - São Paulo - Brasil
248 textos (14805 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:58)
maria da graça almeida