Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Em noites sem luar

Pequeno é o firmamento
Para a minha rima errante
Vago, o caminho que sigo,
Mas  ´inda que tortuoso
Guarda algo de brilhante
Pois levo a poesia comigo.

E levo versos sem pompa
Mas plenos de alegria
Levo estrofes douradas
Pela minha fantasia

E se acaso não houver luar
Na noite do meu afeto
Haverá um poema quieto
Em pradarias deitado
Tendo o céu como teto
Shirley Carreira
Enviado por Shirley Carreira em 10/07/2006
Código do texto: T191168

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Shirley Carreira
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
271 textos (19334 leituras)
10 áudios (2665 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:43)
Shirley Carreira