Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Asas pra que te quero


 A insubordinação de Ícaro
 O ideal humano de liberdade
 As mãos de um brasileiro visionário.
 Santos Dumont da genialidade!
 Deu asas à imaginação, e
 copiou dos pássaros a leveza.
 Pôs o homem tão perto do céu,
 vendo a terra em sua grandeza.
 A despeito do riso dos céticos,
 a teimosia e o experimentalismo
 fizeram o primeiro avião,
 Movido a vento e altruísmo.
 Mas o 14 Bis inocente,
 com o tempo foi transformado.
 Hoje, seus olhos vêm na escuridão.
 Cospe  fogo de horror patrocinado.
 Voa mais rápido que o som, e
 está a serviço da submissão.
 Ironia do homem e do poder.
 Quanto sangue pelo chão!
 O pai do invento, impactado,
 certamente não acreditaria
 no que o homem foi capaz,
 com suas asas e a engenharia,
 para fazer guerra pela paz.
Lislopes
Enviado por Lislopes em 15/07/2006
Código do texto: T194327
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lislopes
Passo Fundo - Rio Grande do Sul - Brasil, 55 anos
80 textos (269514 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:37)
Lislopes