Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEMORA

nem imagina
um anjo
que chora.

(não são nem
nove horas e)

nem morfina
acalma
essa demora.

se você chegasse agora
encontraria-me pálida
olhando a cidade ácida.

as ruas desertas
com hálito de ressaca.

os pássaros silenciosos,
não mais ruidosos
do barulho da festa..

os pássaros calam.

eu me consolo
sem seu colo.

e choro

e choro.

nas asas

de um vento

qualquer,

que invento.
Rocio Novaes
Enviado por Rocio Novaes em 19/07/2006
Código do texto: T197708
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rocio Novaes
Curitiba - Paraná - Brasil
203 textos (55095 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 00:31)
Rocio Novaes