Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto da Humanidade

O homem enfim aprendeu,
Aprendeu a perceber a natureza.
Percebeu a natureza, a conheceu,
Conheceu e nisso viu A Beleza.

Então descobriu pela Beleza O Poder,
E a partir daí possuiu-se pelo vício.
Viciou-se no poder sem o perceber,
E usou do Poder até o precipício.

Caiu do precipício e conheceu A Humildade,
Viu aí uma forma de ao planalto voltar.
Humilde, o homem voltou sem dificuldade.

Pra voltar ao planalto, asas ele teve de criar,
Mas quando voou, já não era mais da humanidade,
Um anjo virou e hoje tenta aos outros ensinar.
Ted Weber
Enviado por Ted Weber em 23/07/2006
Código do texto: T200029

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ted Weber
São Paulo - São Paulo - Brasil, 25 anos
135 textos (8721 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:20)
Ted Weber