Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O silêncio predomina

O silêncio predomina
O silêncio fala
Pode disparar uma bala
O silêncio assassina
O silêncio berra
Inicia uma guerra
Acerta em cheio
E as vezes erra
O silêncio arranca lágrimas e risadas
O silêncio diz tudo e ao mesmo tempo não diz nada
O silêncio predomina
Faz gestos quando precisa
Voa alto e aterrisa
Me alucina
O silêncio faz barulhos e ruídos
Ouço o silêncio em meus ouvidos
vejo com meus olhos ardidos
O silêncio encurrala e da a saída
O silêncio que é o pós morte
É o mesmo que antecede a vida
O silêncio é a espera da sorte
E a decepção da derrota
É a chance remota
De um dia
A coragem vencer a covardia
O silêncio simplesmente
quase sempre
predomina
Osvaldo Fagner
Enviado por Osvaldo Fagner em 28/05/2005
Código do texto: T20249
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Osvaldo Fagner
Votorantim - São Paulo - Brasil, 31 anos
5 textos (401 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:34)
Osvaldo Fagner