Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O velho dos dias

É que, um dia desses, este rapaz se apercebeu que a noite já estava chegando, enquanto ele acordava.
Ele trocou sua vida pela busca incessante por ela.
Um cravo na lapela...
Só pra rimar com as rugas que conseguiu sendo vivo.
E os dias, insalubres, sem cheiro, sem grito
Passam...
Ele nem vê o dia passar pensando ser o poeta
Os dias arranham...
Pois todas virtudes, com o dom da rotina, apanham.

Apanham...

Elas, belas, velas, janelas, telas e toda essa coisa!
O AMOR - e o que restar -

Apanha.
J o y e u x
Enviado por J o y e u x em 31/07/2006
Reeditado em 31/07/2006
Código do texto: T205723

Áudio
O velho dos dias - J o y e u x
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
J o y e u x
São Paulo - São Paulo - Brasil
3 textos (71 leituras)
1 áudios (40 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:06)
J o y e u x