Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Momento sublime

Preparava-se a meses
analizava cada possibilidade
pensava em cada detalhe
e escolhera o melhor momento,
Despediu-se sutilmente daqueles
que diziam que o amavam,
mas sabia que sua existência
era irrelevante a todos

A hora sublime era chegada
a hora de alcançar a felicidade
de se livrar de toda a angústia
que lhe corroía a cada dia

Tudo estava pronto
A solidão, a corda, o silêncio...

Apenas um gesto
o levaria à eternidade,
faltava-lhe somente
um sopro de coragem
que destruísse definitivamente
seu humano instinto de sobrevivência,
já sentia o frio em seu corpo
mas ainda relutava em partir,
não sabia ao certo o que lhe esperava
apesar de ter a certeza
de que viria toda a satisfação
que jamais sentira neste mundo.

E naquele instante
entre ele e sua glória
apenas aquela velha corda
que seria instrumento
da tão sonhada salvação.

De repente veio-lhe um impulso
e num único e bruto movimento
abandonou toda a angústia de viver,
Partiu para bem longe dali
para uma outra dimensão
negra e magnífica... a morte.
Nágila Ramos
Enviado por Nágila Ramos em 01/08/2006
Código do texto: T206920
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nágila Ramos
Brasília - Distrito Federal - Brasil
2 textos (78 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 11:59)
Nágila Ramos