Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cama

Da minha cama ouço barulhos
Que não são normais
Vem lá de fora
Talvez da rua

- São os animais -

Afogo a cara no travesseiro
Arregalo os olhos em desespero
(E o barulho aumenta)
São sons estranhos
Medo, estou com medo
Eles vêem depressa
Não terá pra onde fugir

Já anuncio minha morte
Digo ao mundo
Minha má sorte
E tudo mais

Lá da rua se aproximam:
- Os animais-

O quarto, a casa, o quarteirão
Todos parecem pequenos
Não há baú, porão
Ou qualquer esconderijo
Mas eles vêm
Já sinto o cheiro inimigo
Sem mais
Corro
E os animais
Atrás
São muitos, muitos mesmo
Correm a galope, rastejo
Vôos loucos ...
Por meio metro
Escapo da bicharada
Eu na frente e eles atrás
Logo chego na praia

"Fudeu!' Pensei
Mas avisto uma barca
Pulo, me escondo
Mas uma garra, duas garras
Patadas de elefante
Girafas e tartarugas
De lugares distantes
Todos invadem a nau

Então percebi
Que por acaso
Tinha eu me tornado
Um bicho pesado
Um deles também
Me assustei, mas
Ri a beça, viu?!

 

Laís Mussarra
Enviado por Laís Mussarra em 11/08/2006
Reeditado em 27/10/2006
Código do texto: T214053
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Laís Mussarra
Estados Unidos, 29 anos
139 textos (8285 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:36)
Laís Mussarra