Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Linha De Frente

   
   O que restará
   do pão sagrado?
   Da carne viva molestada
   por anjos sidéreos?
   A rubra tinta
   Que desliza
   Pelo catéter de Orfeu
   Paralisa Vitrais
   Anglicanos...
   Sob o teto
   Bifurcam
   Valas arianas...
   
   
   
POETA SURREALISTA
Enviado por POETA SURREALISTA em 13/08/2006
Código do texto: T215809
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
POETA SURREALISTA
Alegrete - Rio Grande do Sul - Brasil, 46 anos
25 textos (2612 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:53)
POETA SURREALISTA