Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

GUERRILHA

Na calada da noite
o que não foi
será.

será mesmo que açoite,
mesmo que em coice
de doces murros
sussurros,

na calada da noite
urros,
derrubam muros.

tombam puros
e afoitos
no esgoto
os ratos
sem rastros.

astros anônimos,
demônios,
demolem
o intocável.
Rocio Novaes
Enviado por Rocio Novaes em 03/06/2005
Código do texto: T21719
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rocio Novaes
Curitiba - Paraná - Brasil
203 textos (55095 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:35)
Rocio Novaes