Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Muro



Sobre o muro os cacos
Cortam as veias vazias
Nada escapa do oco ser
Que escala sua dor

Em pé no muro os cacos
Fincam carnes ressecadas
Roçam ossos esfarelados
Marcando sulcos eternos

Braços abertos sobre o muro
Olhos pousados no sol de abril
Boca aberta a sugar o ar
Coração recomeça a bater

Sobre o muro não há cacos
Imaginários d'um passado
Desaparecem nuvens presente
Germinam gramas ao futuro

As dores que seriam cacos
Transfiguram flores azuis
E o ser até então cansado
Renasce criança audaz

E de um salto
Transpassa o muro
Segue em frente
Sem olhar para trás
Paula Cury
Enviado por Paula Cury em 16/08/2006
Código do texto: T218155

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Paula Cury
São Paulo - São Paulo - Brasil, 47 anos
114 textos (8472 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 12:53)
Paula Cury