Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Insônia

Eu quero dormir
E o sono não vem.
Eu fecho os olhos e continuo vendo tudo,
Eu sinto medo.
Estou de todos os lados
Esperando por ser embalada numa ação passiva.
Disso que sinto medo
Durante todo o meu dia.
É agora o meu momento de não agir
Viver um momento de total adestramento.
Ela não consegue...
E não posso dizer: e agora, dorme!
Ela não consegue...
Não durmo
Tento encontrar o botão
Mas não tem
Não sou eu, é ele.
Me desesperei,mas não posso agir.
Ela não consegue...
Não há ação, não comigo.
E agora?Quando vem?Eles me pegam!
Eu fujo!Não consigo!Eu tento!E de novo não consigo.
Tenho medo da ação não minha, imposta.
Como acontece?Tortura. Medo. Espera. Remédios.
Ela não consegue...
Eu durmo.
Isabela Braz
Enviado por Isabela Braz em 21/08/2006
Reeditado em 21/04/2008
Código do texto: T222136

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Isabela Braz
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 28 anos
6 textos (362 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:30)
Isabela Braz