Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

outono...

…a tarde caía vazia em mim
e tu chegavas
com réstias de sol no olhar
e com um sorriso lindo e terno
semeavas primaveras ao passar

soltavas o sonho aos quatro ventos
e os teus olhos
cintilantes ao luar
rasgavam as águas da memória
em vertigens
nos abismos do meu mar

trazias no andar cintilações…
e nos teus dedos finas esmeraldas
sussurrando aspirações
afirmando mil maneiras de amar
…e o Outono chegou, enfim!
dentro de ti e de mim
sem me saber cativar


- Publicado na Antologia Escritores Brasileiros e Autores de Língua POrtuguesa, 3ª Edição
Alvaro Giesta
Enviado por Alvaro Giesta em 28/08/2006
Código do texto: T227122
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alvaro Giesta
Vale De Amoreira - Setúbal - Portugal, 66 anos
84 textos (2111 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 20:22)
Alvaro Giesta