Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

poema da re_criação

a sombra ultra_mar

amarronzou-se atrás da luz

a terra derramou-se em amarelo

brotaram verdes acesos

no que era seco

vida roxa sobre cinzas

e o mar violáceo acalmou-se ensandescido

a lua nova era ovo

o verbo, recomeço

voava no vento, a vontade

e a nuvem que trazia a idéia nua

de ser exatamente o que se é

e o que se pode vir a ser
Alessandra Espínola
Enviado por Alessandra Espínola em 01/09/2006
Reeditado em 01/09/2006
Código do texto: T229949
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Alessandra Espínola
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
288 textos (26483 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:19)