Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O OCASO DAS VONTADES



Quero dar-te um presente.
Um mimo, um brinde, uma prenda...
Quero dar-te coisas grandes, disfarçadas de pequenas.
Um elefante indiano de porcelana.
Um guarda-chuva escocês.
Dias de sol para descansar na sombra.
Um quadro.
Uma máquina de tirar retratos.
Um espelho.
Um esquadro.
Um rato que não corra do gato.
Um compasso.
Um abraço.
Uma caneca colorida de café.
Uma leiteira de ágata.
Café descafeinado.
Bom dia com sorrisos.
Sempre um ‘por favor’, ‘muito obrigado’.
Um pote de mel.
A ilusão de céu.
Do camelô, um anel.
Um tubo de cola.
Meu coração rasgado, picado.
Colo.
Uma bússola.
Um mapa.
Um destino.
Quero te dar abrigo.
Flores.
Cores.
Uma festa de sabores.
Minha voz desafinada cantando no chuveiro.
Quero dar-te dias inteiros.
Um televisor na garantia.
O indecifrável da poesia.


***

in "Uma Ordem Natural das Coisas" - pág.33
Leonardo Martins Nietzsche
Enviado por Leonardo Martins Nietzsche em 03/09/2006
Código do texto: T231409
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leonardo Martins Nietzsche
Guarulhos - São Paulo - Brasil
11 textos (587 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:15)
Leonardo Martins Nietzsche