Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EVA MARIA - "POEMA DO MÉDICO PAULO MENDONÇA".

Por onde anda a Eva? Maria!
Parida das entranhas do universo,
talhada em prosa e verso,
das mãos de Deus, divina alquimia.

Por onde anda você, tão a toa,
no altar da hipocrisia, embutida,
pois te chamaram, um dia, pervertida,
e esqueceste de ti, ó leoa.

Por onde anda você em pilhéria,
pela costela de Adão, submissa,
obrigações, deveres e a missa,
no deus lhe pague por esta miséria.

Por que não gritas, “sou o paraíso”,
que um dia concedeu ao Adão,
o direito de ser um João,
da corte ao seu fêmea, Narciso.

Enfim, por onde andam, as Veras,
as Paulas, Cristinas e Adrianas,
Josefinas, Reginas e Anas?
Todas Marias... Evas quimeras...

Evas das entranhas parideiras;
altares do amor... masmorras da dor...

Marias, estranhas prisioneiras,
dos Joãos, dos Joãozinhos, do pudor...

REPRESENTANDO A ESSÊNCIA EM VERSOS DO SEU LIVRO "MULHER UM RESGATE ÍNTIMO". 
DIREITOS AUTORAIS RESERVADOS AO AUTOR.


Uma Mulher Um Poema
Enviado por Uma Mulher Um Poema em 06/09/2006
Reeditado em 14/10/2006
Código do texto: T234134
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Uma Mulher Um Poema
São Paulo - São Paulo - Brasil
2887 textos (497283 leituras)
75 áudios (27403 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:08)
Uma Mulher Um Poema

Site do Escritor