Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O ADEUS AO POETA

mil vezes o conhecemos
revestido de sua mórbida timidez.
e quando nós mais o amávamos
reclama para si
que lhe receitem um infarto fulminante.
depois morre
como um pássaro abatido.
carlos
drummond
de andrade.
êta homem besta, meu deus!
Wagner M Martins
Enviado por Wagner M Martins em 08/09/2006
Código do texto: T235384

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wagner M Martins
Sabará - Minas Gerais - Brasil, 64 anos
72 textos (6085 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 23:23)
Wagner M Martins