Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Palavras ao vento

Palavras - flechas ininterruptas.
Brincamos com elas a todo instante.
Palavras extraídas de vozes suaves,
Camuflam o terreno seco de olhos impiedosos.
Palavras que nos prendem à fantasia de um paraíso inexistente.
Palavras que se transformam em lágrimas.
Quantos versos negros.
Quantos corações corrompidos,
Diante da arte de um quebra-cabeça incompleto.
Quem as usará sem esquecer da mágica que as rodeia?
Por que não colorir um universo sem cor?
Por que não corromper um sentimento casto com palavras?
Mari Pinho
Enviado por Mari Pinho em 18/09/2006
Reeditado em 23/03/2014
Código do texto: T243559
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mari Pinho
Salvador - Bahia - Brasil
17 textos (895 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:47)
Mari Pinho