Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sou fera, minha bela.

Levante esta tua mão
sinta este vento, o teu vento
sinta tua vida, esta vida
e viva, sempre siga
o caminho a teu alcance
mas te peço que nunca canse
pois no fim estou a tua espera
como te sigo, como sou fera
de te ver caminhando, cantando
palavras neste farto encanto
de tua imagem, que nunca é mera
nem perto de ser mera
pois já é a que mais vale
com tua alma, com tua face
e nunca disfarce, pois já tarde
pode ser esta percepção
e demorada a emoção
de viver o amor necessário.





Epa Filho
Enviado por Epa Filho em 19/09/2006
Código do texto: T244409
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Epa Filho
Tarauacá - Acre - Brasil, 27 anos
37 textos (11225 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:20)