Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sob epígrafe de Luís Monteiro da Cunha


                    As casas são antigas na fralda do vento
                                     Luís Monteiro da Cunha


semeia o vento retratos
pela seara

rostos nomes gestos
antigos

entre a lágrima e o riso
a ceifeira dobra-se
como se saudasse o trigo

ou sentisse o punho
da chuva
inventando nas vidraças
a urgência de entrar

habitar a memória
as cadeiras vazias em torno da mesa
Xavier Zarco
Enviado por Xavier Zarco em 24/09/2006
Código do texto: T247928
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Xavier Zarco
Portugal, 48 anos
38 textos (1048 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 20:19)
Xavier Zarco