Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dizem que...

Dizem que...

Dizem que busco o amor.
Busco sim.
Dizem que quero “ a metade”...
Como laranja , alma gêmea,
Essas bobagens assim...

Eu quero o brilho no olhar
E a força viva da Vida
Venha de ti, venha em mim,
Venha da noite e de dia.

Venha das portas das casas,
Do mar, das rasas areias,
Se for dos montes perdidos,
dos homens livres ...do sim.

Dos pensamentos incautos
e do que resta no fim...

Quero o que nunca contaram
Moças ocultas do Líbano.
Quero da Vida o recado,
O grito louco ,o pecado
o inusitado, o talvez...

Numa aventura de luas.
Ou então de tarde,na rua,
Olhando gente que corre, buzinas
Carros e afins...

Quero o mistério das Coisas
e dessa força o barulho,
como poema jogado
como se fosse por ti.

Eu quero o amor como pranto
Como paixão, início ou fim.
Não quero altar ou festim.

Reverencio os espaços
Guardando casos e ausências.

Dou como prêmio ao meu ser
Sem perguntar até quando.
Estas ausências antigas
Morando dentro do peito:
Estas eu chamo de “Ti”.

Marieta
Enviado por Marieta em 26/09/2006
Código do texto: T249548
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Marieta
São Paulo - São Paulo - Brasil
15 textos (224 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 15:56)
Marieta