Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Noites de âmbar e d'argento

Folheio, em um resumo, as belas noites quentes;
As noites salpicadas de âmbar e de argento,
Que iluminavam paixões, em quartos crescentes,
Com brilhos intensos, levados pelo vento…
 
Foram tão breves as insónias no teu corpo;
Nos braços teus…,relíquias dum tempo voraz !
Amante fui, amante sou, e serei porto
Dos teus passados ! Já passados, fica a paz…
 
Relembro, hoje, os teus cabelos já nevados
No frio do Inverno cruel; os lençóis enrugados;
A minha pele de tons cor de rosa murcha…
 
Agora, não sei dormitar só e ao relento;
É, pois, nos braços teus, que morre o sofrimento
Do corpo meu, que pelo teu, tanto estrebucha...
Cristina Pires
Enviado por Cristina Pires em 16/06/2005
Código do texto: T25072

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cristina Pires
França, 51 anos
87 textos (6701 leituras)
1 áudios (37 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 12:52)
Cristina Pires