Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ÂNIMA

11-ÂNIMA
 
 
Minh'alma quer liberdade para se soltar:
Há, morando dentro dela,
uma Ânima com fortes tendências à magia,
que sabe dançar a dança da primavera e os rituais da lua cheia...
tem o conhecimento dos cristais e da nunerologia...
 
Acende incensos e canta mantras, que ela inventa...
Espalha bênçãos com galhos de menta...
Corta quebrantos... reza pra os santos..
não  faz mal a ninguém..
 
A tudo vê: no, e entre  os mundos, a tudo sabe
e vai mais fundo, prevendo o que virá, também!...
 
Mas a esta maga ânima magnânima,
tenho que conter,
que educar e vigiar para que não saia.
Mas ela sai escondido para falar com as fadas,
os elfos... elementais de ânimo macio,
que são seus amigos.
 
 É só eu me distrair nalgum jardim,
que todos ficam olhando para mim!
 (Os vejo com os olhos do pressentimento).
Acho graça.
Então, se aproveitam do momento e todos  a
chamam em uníssono, por telepatia.
 
Essa ânima danadinha, me encanta,
e eu a acalento com dádivas de ternura!
Compro flores, que são seus maiores encantos.
Ela as recolhe para fazer ungüentos florais
com os quais unge minh'alma isolando-me dos
vãos sofrimentos.

Maria Mercedes Paiva
 
::::::::::::::::::
 

       
Maria Mercedes Paiva Paiva
Enviado por Maria Mercedes Paiva Paiva em 26/01/2005
Código do texto: T2508
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Mercedes Paiva Paiva
São Paulo - São Paulo - Brasil, 66 anos
76 textos (4411 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:44)