Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"Cinzeiro"

Na minha boca nua
teu sabor se insinua
e ainda me seduz
O meu corpo ardente
ainda traz a marca quente
que a paixão produz

No meu olhar de ingenuidade
guardo a falsa verdade
que o teu olhar falou
E o meu sonho inteiro
virou cinzeiro
guardando as cinzas que teu adeus deixou.





® Varley Farias Rodrigues


Varley
Enviado por Varley em 11/10/2006
Reeditado em 19/11/2006
Código do texto: T261843

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Varley Farias Rodrigues). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Varley
Fortaleza - Ceará - Brasil, 53 anos
127 textos (5448 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 14:45)
Varley