Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A dita

A dita

A dita saudade
É dura de sentir.

Dita dura de engolir
Essa dor que corrói.

Dita doce,
Quando a dor não parte.

Dita amarga,
Quando a lucidez se perde.

Dita sadia,
Quando ela nasce prematura.

Dita etérea,
Quando a morte não mata.

Daniel Pinheiro Lima Couto
11/10/06
Daniel Couto
Enviado por Daniel Couto em 12/10/2006
Reeditado em 12/10/2006
Código do texto: T263082

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Daniel Pinheiro Lima Couto). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Daniel Couto
Curitiba - Paraná - Brasil, 34 anos
110 textos (6652 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:50)
Daniel Couto