Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Jovem entrando no céu...



Ao chegar no céu o jovem explica sua morte a São Pedro diante da porta de entrada.

JOVEM:

Bebi como nunca, porem dirijo,
velocidade? passo dos cem.
Se esperasse estaria vivo,
pois já tinha visto o trem.

De tão louco, vou que vou,
mas me lembro muito bem.
era noite e jovem sou,
tão mais rapido que um trem.

SÃO PEDRO:

Hoje, paga o preço,
só que ontem dirigia.
Tenta cruzar o trilho,
só que o tempo não sabia.

JOVEM:

Agora, o céu mereço,
assumo todas as culpas,
a terra? já não pertenço,
a vida? minhas desculpas.

SÃO PEDRO:

Sua desculpa é bem-vinda,
Mas faltou lembrar-te amargo.
Sua atitude contra a vida,
lhe pesara um fardo.

Acho que deves saber,
que já não vivem mais.
Dois amigos seus,
estavam no banco de trás.

O mesmo que lhe fez bater,
lhe fez deles não lembrar.
Quando seu egoismo também morrer,
no paraiso você vai entrar.

E fecham-se os grandes portões dourados.

(Versão:Original,2006
  Autor: -     Zizou)


Zizou
Enviado por Zizou em 16/10/2006
Reeditado em 16/10/2006
Código do texto: T265855
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zizou
São Paulo - São Paulo - Brasil
22 textos (2089 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:27)