Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NO MEU CORPO NASCE UM MAR

No meu corpo nasce um mar...
calmo ou revolto...ele é o teu leito...
ondulante de carícias tuas que me navegam,
marés de beijos que roubam minha sensatez.

Sou vaga que serpenteia na sofreguidão de teus anseios,
sou tua deusa, tua feiticeira, tua guerreira,
tua ninfa, tua bela sereia... sou o teu mar.

Desejas-me... seduzo-te...deixas-te enfeitiçar...
Sentes minha fragrância azul estonteante,
inebrias-te com as minhas sinfonias de amor...
melodias tentadoras que componho só para ti...

Canto-te  divinas canções...
sinto tuas ardentes emoções...
Danço para ti...só para te amar...para te embalar...
Deixo-me levar pelas nossas paixões...
Deixo-me flutuar nos teus inquietos abraços...
Rendo-me aos teus cálidos e profundos beijos...

Ouves meus suspiros...sentes meus prazeres...
meus calafrios...
Eles são o espelho do teu gozo, do teu aprazimento...
ecos de ti...
Roubo-te sorrisos atrevidos e deixo-me navegar por ti.
Fanny Estrela
Enviado por Fanny Estrela em 22/06/2005
Código do texto: T26810

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fanny Estrela
Portugal
230 textos (6828 leituras)
1 e-livros (100 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 16:21)
Fanny Estrela