Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Penso, Logo Desisto



Penso, logo desisto
É a minha frase célebre.
E desisto
Porque não existo a pensar.
Quando penso que existo
E existir me leva a pensar
Desisto
Por ver o que não quero:
Um mundo podre
Que nem dá para acreditar.

É então quando vem o sonho
O bálsamo revitalizante
Para me embalar
Que afirma que existo
Existo para ser, para sonhar
Não existo para pensar.

Penso, logo desisto.
Desisto para não ver
O que pensar me leva a crer
E apenas resisto
Porque existo.

Nasci, pensei
E fiquei farto.

Nascer é começar a morrer.

Coimbra, 5 de Novembro 04








Vimarakof
Enviado por Vimarakof em 22/10/2006
Código do texto: T271059
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vimarakof
Portugal, 57 anos
13 textos (351 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 18:07)