Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema a beira-mar

O lampejo nos meus olhos
Apenas ele pode ofuscar
O meu tênue sorriso
Apenas ele pode reprimir

Minha côdea demonstra-se para o mundo
Tenta demonstrar de maneira impressionante
E insiste em endeusar essa grande imensidão o mar
Mas limita-se ao brilho dos meus olhos lampejar

Certa alimária em meus tempos de criança tentou ao mar   menosprezar
E eu criança estúpida em um momento cheguei a acreditar
E por tal hoje

Devaneio meus tempos de criança
Dos momentos felizes que vivi a beira-mar
Onde minhas impiedosas lagrimas insistem em rolar.
Thaisa Maia
Enviado por Thaisa Maia em 24/10/2006
Reeditado em 02/12/2006
Código do texto: T272568
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Thaisa Maia
Bituruna - Paraná - Brasil, 23 anos
18 textos (9769 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 02:48)
Thaisa Maia