Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Encanto

As estrelas contam as horas
e eu costumo ser testemunha
de suas indas e vindas, de seus ciclos.
As estrelas sonham como eu,
vivem querendo encontrar o sol,
corrompê-lo, abduzí-lo, amá-lo.

Mais e mais, presencialmente.
Eu vivo com as estrelas,
talvez seja até uma delas...
Meu sol é da noite, tem brilho nos olhos,
usa batom vermelho, saia justa,
meias, cinta e calcinha, às vezes.

Eu sou filho da lua, de Yansã,
gosto de tudo que encanta, que enfeita.
Gosto de muito amor, de poesia,
do âmago, sem fé ou com crença.
Mas que sonha e sente, canta e chora.

Quem não é assim, não existe no meu mundo.
Meu mundo é o amor, a poesia e a vida!
Marcos Maia
Enviado por Marcos Maia em 25/06/2005
Reeditado em 25/06/2005
Código do texto: T27647
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Maia
Brasília - Distrito Federal - Brasil
49 textos (2511 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 09:09)