Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Louca Espera

Lenamais
 
Espelhava-me no espaço
toda a minha espera
um pranto abafado
rasgava-me o peito doído
em pedaços desfazia-me
tentando recompor-me
 
Porque acreditei apenas?
No belo discurso que ouvi
talvez estivesse cega
Doces palavras...
Que talvez um vendaval
Desfez na poeira sem dó
 
Louco, foi em falar-me
farejou o meu cheiro
seguiu os meus passos
fazendo-me ainda crer
em histórias da carochinha...
 
Louca, fui em te escutar
sem mesmo perceber
que tinha um discurso gravado
pouco se importando,
quem iria escutar
 
Cheguei mesmo a me guardar
a espera de um dia reluzente
podermos nos olhar
sentirmos nossos toques
enfim nos entregarmos
sendo um só corpo
uma só alma
um só caminho
 
Hoje olho ao redor
apenas abafo o pranto
com um riso meio louco
aos pedaços pelo chão
uma marionete tonta
movida apenas por cordinhas
meio desengonçada e sem rumo
tento equilibrar-me e ainda
acreditar nesta louca espera

Rio de Janeiro/RJ

www.lenamais.com.br
Lenamais
Enviado por Lenamais em 31/10/2006
Código do texto: T278006
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lenamais
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
113 textos (8360 leituras)
7 e-livros (329 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:38)
Lenamais