Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Em tua ausência

Eu abro a porta deste meu coração
que só sabe esperar tua chegada...
é outono, é inverno, é primavera, é verão...
é dia e noite, é noite e dia... e nada...

Como se viajasse na vasta amplidão
por onde a tua ausência jaz, calada,
eu fico arquitetando o sonho, a ilusão,
olhando, triste, a porta escancarada...

Não tem graça perder a tua graça...
perco o jeito ao perder o teu jeito
e o que era história, hoje é fumaça...

Fumaça de tudo que foi dito e feito,
angústia sufocante que me abraça,
saudade louca que me dói no peito...
Marinhante
Enviado por Marinhante em 07/11/2006
Código do texto: T284364
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marinhante
Rio Grande - Rio Grande do Sul - Brasil, 73 anos
114 textos (1409 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 06:06)
Marinhante