Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
O silêncio

Se a poesia é o verbo
eu, poeta, anseio o silêncio,
a anti poesia natural.

Mas eu quero um silêncio carinhoso,
atencioso,
aquele que faz quem olha a mulher amada,
quem descobre lentamente seus segredos,
que saboreia satisfeito seus encantos.

Eu não sei amar de forma espalhafatosa.
Lucas Castro
Enviado por Lucas Castro em 07/11/2006
Reeditado em 12/10/2008
Código do texto: T284642

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Lucas Castro e o site www.eporfalarpoesias.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Lucas Castro
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 55 anos
157 textos (6016 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:15)
Lucas Castro

Site do Escritor