Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quem es

Quem es?


Quem es? Não conheço a ti oh ser promiscuo
Ser vazio, frio, desprovido de todo e qualquer sentimento
Digas-me, respondas quem es
Transpoe-me sem querer, invade minha vida
Controlas minhas vontades
Tenho direito de saber quem es
Diga-me teu nome, teu objetivo
Diga-me como me encontro em você nas desventuras do acaso?
Es senhor de minhas vontades?
Dono de minhas atitudes?
Teu reflexo me amedronta
Teu olhar turvo, semblante malévolo me atormentam
Destrói-me sem agir
Tenho um só medo, uma só duvida
Conseguirei defender-me ti
Dando-me conta que ti e eu somos um
Como posso defender-me de mim mesmo?
Tenho alguém preso dentro de mim
Alguém perverso
Prestes a mostra sua face, contra mim!
Mas como seria isso possível?
Será Possível alguém ser tão vulnerável
A ponte de debater contra ele mesmo
Espero sinceramente que não
Pois se assim for
Alguém logo morrerá
Ti ou Eu
Tu ou vos
Mas espero com esperança
Se tentar destruir a ti
Não consiga destruir também a mim
Pois eu sou você, e você
Espero que sem êxito
Continue sempre,tentando ser eu!
Sérgio Bicalho
Enviado por Sérgio Bicalho em 12/11/2006
Código do texto: T289243
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sérgio Bicalho
Nova Era - Minas Gerais - Brasil, 31 anos
7 textos (192 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 14:07)
Sérgio Bicalho