Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

REALEZA




A mente voa
Rápida, ligeira
O cérebro é vagaroso
Não acompanha o que a alma sente
Nem o que a mente pensa

O choque acontece
E por no papel
As palavras que surgem com rapidez
Pra manter nas linhas a sensatez,
A alma instiga o corpo
E numa relação de súdito e rainha
Mente, alma
Governa e dita
O que o corpo escreve na palavra bem quista

Será capaz o súdito gritar mais alto que a realeza?
A resposta é negativa com certeza
Pois a alma poeta
Em sua condição destra
Fez o corpo sofrer
E a energia vital se fez por derreter

Alma, rainha soberba
Traz teu súdito de volta
Introduza-o novamente na turba
Da vontade de viver.
Alma Collins
Enviado por Alma Collins em 17/11/2006
Código do texto: T293651
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Alma Collins
São Paulo - São Paulo - Brasil, 55 anos
166 textos (36100 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 13:32)
Alma Collins