Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mulher

J B Carneiro

Branca, negra ou amarela,

Rica, pobre ou de rua,
Clássica ou perua,

Sublime é a tua missão.


Traz na alma, da vida, a concepção:
Crescer, amar e ser amada.

Conceber.

As querelas compreender,

Fazer-se faceira,
Afastar os espinhos,

Ser roseira.

Conquista teu Sol, mulher guerreira!
Nas batalhas dos campos vermelhos
Busca o estandarte da felicidade.
Perdure nessa obra pela eternidade.

Não te deixes abater nas lutas
Porque Deus  fez-te maravilhosa.
Portanto és razão

De ser cantada

Em verso e prosa.

Mulher esposa, mulher amiga,
Mulher amante, mulher da vida,
Mulher mãe, mulher tia,
Mulher avó, mulher vadia.

Mulher namorada, mulher valente
Mulher machucada, mulher contente.

Mulher baixinha, mulher magrinha
Mulher siliconada, mulher gordinha.

Mulher emoção, exata medida

Da poesia, que o poeta dedica.

Mulher, missão bendita

Ter sido escolhida

Pra ser berço da vida!

Rio de Janeiro/RJ

www.jbpoesias.com
Jose Belarmino Carneiro
Enviado por Jose Belarmino Carneiro em 17/11/2006
Código do texto: T293823
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jose Belarmino Carneiro
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
13 textos (397 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 12:11)
Jose Belarmino Carneiro