Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PENSAMENTOS

É  à noite
quando me sinto só
que meus pensamentos
ganham forças ignoradas
para buscar em teus olhos
e impor nos meus sentidos
a ância crescente e fugaz.
Tu sabes o tão pouco
que te conheço
porém reflito na matéria
dos meus pensamentos
para escrever-te algo.
Em vão te estendo o braço,
com a certeza de que
não tocarás em minha mão.
Em vão te ofereço o meu contato,
com a certeza de que
não buscarás o meu convívio.
Em vão busco te conhecer,
com a certeza de que
o nosso relacionamento
não crescerá.
E de repente,
Conheço-te tanto tempo depois.
Agora,
a menina de olhos arregalados de medo
vira mulher,
e vive no mundo
feito de vida e sonhos,
que a substância perecível
passa a ser substância imortal,
que com as mãos
serve rosas e carinhos
ao seu centrípeto amor.
Tenho certeza que além
destas palavras e letras
esconde-se também
o pudor,
a timidez
que ficaram presos
nos meus lábios,
tão mudos como meus versos
que ficam no pensamento
sem capacidade
de serem traduzidos
em palavras.

Joyso
Enviado por Joyso em 18/11/2006
Código do texto: T294942
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Joyso
Espanha, 56 anos
5 textos (65 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:41)
Joyso