Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carnaval

Doce sepulcro,
minh'alma,
dentro de ti
posso reverenciar,
tudo que em mim morreu!
Um sonho...
Uma canção,
aquele poema maldito!
.....................................................
Ah!
Mas agora que é Carnaval,
acordaremos "todos"
e reverenciaremos cantando!

"Carnaval, desengano
Deixei a dor em casa me esperando
E brinquei e gritei e fui vestido de rei
Quarta feira sempre desce o pano"



Suavenigma®
Suavenigma
Enviado por Suavenigma em 08/07/2005
Reeditado em 21/05/2007
Código do texto: T32296

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Suavenigma
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 65 anos
50 textos (3927 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 06:55)
Suavenigma